26 de ago de 2011

CRIANÇAS BRINCAM MAIS NOS QUARTOS E SOCIALIZAM MENOS

Investigador acredita que as crianças devem recuperar brincadeiras nas ruas

Investigado na Universidade do Minho, Alberto Nídio Silva, defende que as crianças brincam cada vez mais nos quartos, como se regressassem ao tempo das “cavernas”. Em consequência deste comportamento, o investigador acredita que as crianças desenvolvam menos a socialização, a solidariedade e a necessidade de compreender a diferença.

Fonte: PÚBLICO

Nenhum comentário:

Postar um comentário