4 de set de 2011

O FUTURO

As nossas crianças surpreendem. Dominam o computador e outras  parafernálias eletrônicas, das mais simples às mais sofisticadas,  fazem de tudo em patins, skates e assemelhados, participam de redes sociais, times, bandas, gostam de viajar sozinhos com amigos,  organizam passeios e festas, igualzinho aos adultos. Alguns entendem inglês, as meninas sabem se maquiar,  dançam e se expressam como gente grande.  Nadam, mergulham, escalam, não têm medo de nada.
Os meninos e meninas que também tem surpreendido , assaltando em pequenos e grandes grupos, em bairros nobres de São Paulo, são como as nossas crianças, arrojados,  inteligentes, só que, pela manhã, em lugar de iogurte,nescau e misto quente, alimentam-se de crack, solventes, maconha. E partem, não pra escola, clube, praia, play, mas para assaltar e agredir, como os pais que um dia tiveram.  Imitam com perfeição os adultos, vivem e aprendem com eles, mentem e desafiam, se drogam e decidem.
Nossas crianças têm medo de escuro, de rato, de sangue, de tiro. Eles não.  Só têm medo de gente, gente maior do que eles.
CONTINUE LENDO AQUI !




Nenhum comentário:

Postar um comentário